Blog

Deus mudou o nome de Saulo para Paulo?

Deus mudou o nome de Saulo para Paulo?

PDF do artigo

Nas escrituras temos alguns exemplos de pessoas que foram impactadas pela presença de Deus e tiveram seus nomes mudados. Essa mudança de nomes tinha a finalidade de mostrar uma mudança na missão de vida dessa pessoa. Porém, também temos casos de personagens bíblicos que tiveram seus nomes trocados sem nenhuma relação direta da ação de Deus. Além desses, ainda temos casos de pessoas que possuíam dois ou mais nomes.

Velho Testamento

Abraão

Abrão teve seu nome mudado para Abraão – O caso de Abraão foi uma intervenção divina. Sua missão de vida foi alterada por Deus, por isso, o nome foi mudado para indicar o novo propósito de vida. Abrão significa “Pai exaltado” e Abraão significa “Pai das nações” – essa mudança tem relação com a promessa que Deus fez, dizendo que ele seria pai de uma multidão, uma grande geração sairia de seus descendentes. (Gn 17.5-6)

Sara

A esposa de Abraão se chamava Sarai e teve seu nome trocado para Sara. É difícil saber o significado de Sarai, mas sabemos que Sara significa princesa. A troca do seu nome também tem relação com a promessa que Deus fez a Abraão. Sara era estéril, mas Deus prometeu que ela daria um filho à Abraão e desses filho Deus faria uma grande nação. Sara se tornou a mãe de príncipes e reis. (Gn 17.15-16)

Jacó

Jacó significa “ele segura o calcanhar” ou “traiçoeiro”. Esse nome foi dado em seu nascimento por estar segurando o calcanhar de seu irmão na hora do parto. Mas, o dia em que ele teve um encontro com Deus recebeu um segundo nome, Israel que significa “Deus prevalece” (Gn 32.27-28) Jacó tem 12 filhos que são as 12 tribos de Israel. O povo de Jacó ou o povo de Israel.  

José

José teve seu nome trocado para Zafenate-Paneia, mas essa troca de nomes não tem relação com a ação de Deus, foi apenas desejo uma ação do Faraó. (Gn 41.45-47)

Oseias

Quando Moises estava selecionando os homens que iriam espiar a terra de Canaã ele mudou o nome de Oseias, filho de Num, para Josué. É interessante essa troca que Moisés fez. Veja: Oseias significa “salvação” e Josué é mais específico, significa “YHWH é salvação”. Moisés estava especificando que a salvação deles era o Senhor. (Nm 13.16)

Gideão

O caso de Gideão também é interessante, ele teve seu nome trocado pelos homens da cidade que ficaram enfurecidos por ele ter derrubado o altar de adoração a Baal e então começaram a chamá-lo de Jerubaal que significa “deixe Baal contender”. Essa troca de nomes não tem nenhuma relação com uma ação de Deus, na verdade nem foi uma troca de nomes, poderíamos dizer que foi um apelido que os homens da cidade deram para ele. (Jz 6.32)

Daniel, Hananias, Misael e Azarias

Daniel e seus amigos tiveram seus nomes trocados pelo rei babilônico Nabucodonosor. Daniel recebeu o nome de Beltessazar; Hananias o nome Sadraque; Misael o nome Mesaque; e a Azarias o nome Abede-Nego. Essa troca de nomes não teve relação com um ato de Deus, mas foi por vontade do rei Nabucodonosor.

Matanias

O rei Nabucodonosor mudou no nome de Matanias para Zedequias. (2Rs 24.17)

Eliaquim

O faraó Neco trocou o nome de Eliaquim para Jeoaquim (2Rs 23.34)

Novo Testamento

Pedro

Jesus trocou o nome de Simão para Pedro. Mc 3:16 Estes são os doze que ele escolheu: Simão, a quem deu o nome de Pedro; (Jo 1.42 Cefas – aramaico que quer dizer Pedro)

Simão é de origem hebraica e Pedro de origem grega, mas possuem significados semelhantes, ambos significam “pedra ou rocha”. Talvez Jesus deu um nome grego indicando que Pedro levaria o evangelho aos gentios como foi na casa de Cornélio. (At 10)

Barnabé

Em Atos 4.36 encontramos que Barnabé era chamado José e os discípulos deram o nome para ele de Barnabé que significa encorajador.

José

Em Atos 1.3 temos um José que era chamado Barsabás, cognominado (chamado) Justo.

Simeão

Em At 13.1 encontramos Simeão que era chamado Níger.

Esses exemplos mostram que era comum haver pessoas com dois ou mais nomes e alguns que realmente tiveram seus nomes trocados. Mas, mesmo aqueles que tiveram seus nomes trocados nem sempre foi Deus quem trocou.

Mas, e Saulo? Ele teve seu nome trocado por Jesus?

É comum encontrar artigos ou pregadores falando que Saulo teve seu nome mudado para Paulo após sua conversão. Mas, embora possa parecer uma explicação espiritual muito bonita, não temos nenhuma evidência textual disso. 

Saulo nasceu em Tarso da Cilícia (Atos 16:37; 21:39; 22:25), era judeu da tribo de Banjamim, (Rm 11.1; Fl 3.5) a mesma tribo do rei Saul, aliás, o nome Saulo é derivado do nome Saul, talvez uma homenagem ao rei que também era da tribo de Benjamim. No judaísmo era fariseu extremamente zeloso (At 23.6; Gl 1:14; Fp 3:5,6) tendo estudado aos pés de Gamaliel, um ilustre rabino. (At 22.3).

Paulo tinha cidadania romana e usava dois nomes. Saulo é hebraico e Paulo é latino, Saulo no hebraico significa “desejado” e Paulo (do latim Paulus) significa “pequeno, menor”.

Por causa do significado de Saulo e Paulo, alguns pregadores sugerem que o próprio Paulo tenha trocado de nome por causa de sua missão, considerando-se o menor. Seria uma troca de “o desejado” (Saulo) para “o menor” (Paulo). É uma suposição interessante, pois, em 1Co 15:9 ele diz: “… sou o menor dos apóstolos e nem sequer mereço ser chamado apóstolo, porque persegui a igreja de Deus.”

Mas, não há base textual para afirmarmos que o próprio Paulo tenha mudado seu nome de Saulo para Paulo. Aliás, Saulo aparece nos textos pela primeira vez em Atos 7.58 no relato da morte de Estevão e após a sua conversão ele continua sendo chamado de Saulo. (At 11.30; 12.25; 13.1)

O próprio Paulo se identifica como Saulo ao contar seu testemunho de conversão em Atos 22.

Paulo era conhecido pelos dois nomes, Saulo pela sua linhagem hebraica e Paulo por sua cidadania romana. Em Atos 13:9 deixa bem claro que Paulo era conhecido pelos dois nomes.  Então Saulo, também chamado Paulo, cheio do Espírito Santo, …” (grifo nosso)

Era mais prático Saulo usar seu nome latino Paulo por estar trabalhando e evangelizando os gentios e sua cidadania romana lhe favorecia (At 22.29). Usar o nome latino Paulo também lhe ajudava entre os romanos.

Portanto, Jesus não mudou o nome de Saulo para Paulo e não há base textual para afirmarmos que ele mesmo tenha mudado seu nome por uma preferência espiritual considerando-se “o pequeno” (Paulo) em troca de “o desejado” (Saulo). Saulo tinha dois nomes, um hebraico e um latino.

Espero que com essa aula eu tenha ajudado você com um pouquinho mais de conhecimento.